PÍLULAS DE REFLEXÃO 004 – Rede social de mais, vida vivida de menos

 

Saudações lúdicas e brincantes, eu sou Shauan Bencks e esta é sua Pílula de Reflexão semanal.

Um pequeno áudio com dicas sobre educação, movimento, brincadeiras musicais, ludicidade e desenvolvimento humano.

———————————–

Nossa 4ª pílula, que alegria esta caminhada.. obrigado a todos e todas pela parceria, pela audiência….

A pílula de hoje surgiu de uma mensagem que recebemos aqui no whatsapp do Arte da Criança.. A Mayra, psicóloga formada e estudante de pedagogia nos presenteou com duas idéias de temas para as pílulas, que tal você também no enviar seu comentário e sugerir uma pauta?

Estamos no aguardo…

A Mayra comentou uma pílula e no meio do seu comentário ela disse que a única rede social que utiliza é o Whatsapp, não utiliza facebook, instagram nem nada do tipo, apenas o whatsapp.

Curioso nos dias de hoje não?

Eu confesso que tenho tentado diminuir o uso das redes para assuntos que não sejam de trabalho.. eu posto fotos nos instagram, que vão direto para o facebook, acho legal.. e publico as coisas na página do Arte da Criança, referente a educação, música e arte…

Mas não mais tenho rolado a timeline sem parar vendo o que os amigos estão publicando.. não mesmo.. parei com isso e este tempo que eu ficava rolando a timeline eu estou utilizando para ler livros que estavam no plástico ainda e que eu prometia ler e nunca conseguia.

Isso está me fazendo um bem incrível, inclusive para ter ideias destas pílulas, assim como para novos projetos, canções, brincadeiras…

Será que precisamos mesmo de tanta informação?
Será que o menos não é mais? Será que pouca informação não trará mais criatividade?
Será que não é melhor, de tempos em tempos, eleger alguns “mestres-gurus” e ler durante um tempo os artigos destas pessoas, e depois ir elegendo outros mestres e assim por diante, e ir modelando fontes confiáveis de informação?

Será que no turbilhão de posts do facebook a gente não se perde? E não perde a vida passando, os filhos crescendo, os bons documentários ficando sem ser assistidos???

Bem, a Mayra só tem whatsapp, e eu tenho diminuído o uso das redes sociais, cada um pode encontrar seu ponto de equilíbrio. E é fato que o acesso a este turbilhão de informações se dá através, principalmente, dos aparelhos móveis, os celulares na maioria.

E pesquisando sobre o tema para esta pílula, encontrei um artigo no site “Disciplina Positiva Brasil.”

Não tenho maiores referências sobre o site, se alguém aí tiver algum comentário nos envie por favor, os temas abordados parecem muito bacanas..

Mas vamos ao artigo, cujo título é:

QUAL O IMPACTO DA TECNOLOGIA E DOS SMARTPHONES NAS NOSSAS VIDAS?

(http://disciplinapositiva.com.br/novosite/index.php/leitura/artigos/item/193-qual-o-impacto-da-tecnologia-e-dos-smartphones-nas-nossas-vidas)

O link para o artigo completo está no roteiro deste programa.

Certa altura do texto o assunto tratado é a dependência do uso de tecnologia móvel pelas pessoas, e vejam só algumas razões desta dependência:

<<abre aspas>>

“Segundo Adam Alter existem algumas razões para a dependência.

A primeira delas reside no fato que temos esses aparelhos amplamente disponíveis, de forma tão próxima que quase não precisamos mover nossos pés durante o dia para alcançá-los. O excesso da disponibilidade facilita o contato, oferecendo um impacto psicológico direto de como vivemos nossas vidas. Não ter o celular por perto provoca um mal estar psicológico/físico, então estamos com ele dentro do nosso raio de alcance o dia todo.

A segunda razão é que existem algumas características psicológicas inerentes a experiência de usar o celular que nos prendem a ele. Por exemplo, a ausência de “dicas de parada”. O mundo atual tem uma ausência de sinais que indicam que devemos parar algum comportamento. Por exemplo, quando você está lendo um livro ou assistindo a um filme, existe o fim. Temos a sensação de ter finalizado algo e decidimos se passamos para o próximo capítulo. Planejamos o que vamos fazer depois de terminar uma etapa. Acontece que hoje as mídias sociais não têm uma dica de parada. Podemos rolar o Instagram horas sem ter fim. Pulamos de um aplicativo para outro de forma automática, sem ter a sensação que finalizamos algo.

A terceira razão para a dependência seria a quantidade de recompensas que o eletrônico nos traz durante o dia. Essas recompensas nos propiciam doses pequenas de prazer, durante todo o período de interação com o celular devido a liberação de dopamina, o neurotransmissor do prazer. Por exemplo, os “likes” que recebemos numa foto, dão prazer. Receber uma mensagem no WhatsApp dá prazer, saber que você andou determinados passos ou alcançou uma meta de quantidade de seguidores, gera um prazer imediato. Desta forma, passamos o dia inteiro liberando pequenas doses de dopamina, que nos tornam dependentes, pois ao longo do tempo, precisamos de doses cada vez mais elevadas para sentir a mesma sensação de bem estar/prazerosa.” <<fecha aspas>>

Pois bem amigas e amigos… será que estamos drogados de celulares?
Precisando de doses cada vez maiores de redes sociais, likes, coraçõezinhos, seguidores???

Gente, eu quero seguidores, eu adoro saber que as pessoas estão seguindo o Arte da Criança..

Mas nós aqui do Arte da Criança queremos que vocês elejam um tempinho bem saudável para ver nossas notícias.. depois disso.. desliguem, desconectem, vão pra praça, vão ler um livro, vão pensar…

Ouçam esta pílula de hoje e desliguem seus celulares para pensar sobre ela.. que tal?

Por falar em ir pra praça..

Sábado passado aconteceu a 3ª edição do ARTE DA CRIANÇA NA PRAÇA, segue uma ou duas fotinhas pra vcs aí…

Simplesmente um grupo de amigos, vai pra praça, leva brincadeiras, instalações sensoriais para bebês e crianças pequenas, uma orquestra de Ukulele, com alunos de música, um grupo de capoeira, um palhaço, alguém doou pipocas.. e pronto…

É isso..

Que tal agitarem algo nesse sentido em suas cidades??

Que tal adotarem uma praça e convidarem os artistas da cidade pra tocar..

Todo mundo voluntários e vamos que vamos..

Obrigado pela audiência meu povo…

FOTOS DO 3º ARTE DA CRIANÇA NA PRAÇA

E antes de terminar peço a licença das senhoras e senhores ouvintes, para dizer que está acontecendo a 1ª SEMANA UKULELE BRINCANTE.

Uma série de vídeos de brincadeiras musicais, que podem ou não serem brincadas com o instrumento musical UKULELE.

Os vídeos são compartilhados apenas via whatsapp, e a semana é totalmente gratuita..

Vocês poderão baixar PDFs com as cifras, assim como arquivos de áudio e o vídeo com o tutorial da brincadeira… que tal começar a pensar brincadeiras para 2019, já que muitos dos nossos seguidores aqui no Arte da Criança são educadores e pais…

Para participar da SEMANA UKULELE BRINCANTE acesse: www.artedacrianca.com.br/ukulelebrincante

O link também está no roteiro deste programa..

www.artedacrianca.com.br/ukulelebrincante

———————————–

Receba estas PÍLULAS DE REFLEXÃO por whatsapp, acessando artedacrianca.com.br/pilulas

Este programa é uma criação do Arte da Criança e do Bebê em Movimento, e tem o apoio da MT Instrumentos Artesanais, acesse: mtinstrumentos.com.br

Apoio:
Clique para acessar

 

 

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*